in

Gay é agredido por seguranças no terminal de Niterói e alega que foi homofobia

Jovem gay agredido em Niterói

Leonardo Alves, que é gay, contou para o jornal O Dia que foi agredido por quatro homens no Terminal de Niterói, na última segunda-feira. De acordo com ele, o crime teve motivação homofóbica e os 4 homens eram seguranças do local.

“Por um momento pensei que fosse morrer, pois já estava perdendo os sentidos de tanto chute na minha cabeça. Não irei postar fotos do meu rosto porque está muito machucado, sinto vergonha. Não sinto mais nem vontade de nada sabe. Estou atordoado com tudo isso. É muito triste, revoltante você não poder ser o que você quer. Ter que passar por uma situação dessas… Hoje fui eu, amanhã pode ser um de vocês. E o que eu passei e senti, não desejo nem para o meu pior inimigo”, relatou ao jornal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments




Silvio Santo faz pergunta sobre ‘bicha’ para Maisa e ela lacra com a resposta

Ministra Damares Alves contra gays

Ministra Damares declara em vídeo que gays querem acabar com a Bíblia