in

Ministra Damares declara que movimento gay é “ideológico e partidário”

Como sempre, a ministra Damares Alves vai contra o movimento LGBTQ+, e um vídeo de 2014 fez isso ficar cada vez mais claro.

VEJA MAIS:



Enquanto ela pregava em uma igreja evangélica em Belém do Pará, a ministra afirma que o movimento que defende a população LGBTQ_ não é composto por homossexuais, mas sim por pessoas que são financiadas por determinados partidos políticos para promover a ideologia de gênero.

“Conheço muita gente que está no Movimento Gay que não é gay. Não se engane, o Movimento Gay não é gay. É um movimento ideológico, partidário e político e está a serviço de alguns partidos do Brasil”, declarou Damares Alves.

Ela ainda citou dois parlamentares que são de partidos de esquerda e que seriam os líderes do movimento. Falou que eles estavam conspirando contra a igreja evangélica, dizendo que são homofóbicos. Os políticos que ela se referia eram Jean Wyllys (PSOL-RJ) e Érica Kokay (PT-DF).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Carlinhos maia é gay

Carlinhos Maia se assume e pede desculpas para o noivo

Rodrigo Faro e Otavio Mesquita brincam de casal nas redes sociais e corpo sarado impressiona