in ,

Morre o renomado DJ Mauro Borges

O renomado DJ da cena LGBT Mauro Borges, morreu no início desta sexta-feira, em São Paulo. A causa da morte não foi divulgada.

VEJA MAIS:



Jornalista de formação, Mauro atuava há 31 anos como um dos principais DJs do país, responsável por fundas casas noturnas de sucesso, como Massivo, no bairro dos Jardins, aberta em 1991.

Mauro também é um dos principais responsáveis por fomentar a cultura drag no Brasil, ainda no século XX, quando o assunto era um tabu longe de ser quebrado.

Modelo, o DJ chegou a posar pelado para as páginas da extinta revista G Magazine, nos anos 1990.

 

6 Comments

Leave a Reply
  1. M B Figura da noite paulistana! Uma figura! Eu acho que ele durou foi muito pela louca vida que levava. Um ser da noite! Frase dele para mim: “Eu vou para casa dormir! Essas bixas que aprontam e eu que sou a louca! Eu que levo a fama! Eu quero é dormir. Vou pra casa! Não sou nada disso!” Da noite, bagacera, debochado, closuda, despudorada, contraditório, tipo Mauro Borges! Um tipo! Foi da boca do luxo à boca do lixo – ressurgiu das cinzas – voltou para o luxo – isso é para poucos! Gostava de ter um club para todos, juntar tribo, bom coração, nos tempos de glória, Massivo, atacada, lôca, incostante do começo ao fim, loucura, pó, bomba, a rainha má. De atores globais á anônimos fez todos! Lançou moda! Fez moda! Foi rico! Foi pobre! Fez história! Foi Mauro Borges! “_Que fim levou o Robin?”: FOI SER FELIZ!!! Virou estrela!!!

  2. Dancei muito babando por ele sem camisa…. Ele era um dos icones da noite paulistana….. arrasa bi onde vc estiver…. com certeza vai colocar os anjos pra rebolarem 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Cabeleireiro é torturado e assassinado porque criminoso tem “aversão a homossexuais”

Roupa justa de bailarino em programa da TV Globo chama atenção dos internautas