in

Organização lésbica declara que é impossível ter diálogo com Damares Alves

Esse mês a futura ministra Damares Alves realizou um encontro com representantes LGBTs que não convenceu todas as organizações que fazem parte da comunidade. A Liga Brasileira de Lésbicas (LBL) foi uma das organizações que não estão satisfeitos com as negociações.

O grupo divulgou uma carta aberta à sociedade, descrevendo o que elas acreditam e apoiam no atual cenário. De acordo com a carta, a organização tem como princípios, “o pluralismo, a autonomia, autodeterminação e liberdade, a democracia, a solidariedade; a transparência; a horizontalidade; a defesa do Estado laico; a defesa dos princípios feministas e suas bandeiras; a visibilidade lésbica e bissexual; a luta antirracista e anticapitalista e de combate às mais diversas formas de LGBTfobia”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Site bicha da justiça

Bicha da Justiça, startup que oferece ajuda jurídica para comunidade LGBTI+

Jonas Sulzbach posta foto do tanquinho no Instagram e os comentários são demais