in

Juíza determina transferência de réu gay para presídio feminino

A juíza da Vara de Execuções Penais (VEP) Rafaella Moreira Lima Kurashima, determinou a transferência da penitenciária para o Centro de Recuperação Feminina (CRF), do réu Edcarlos Mendes Raiol, que é conhecido como “Brenda”, que é homossexual e travesti.

Após uma conversa com a juíza, Brenda diz que se sente ameaçada onde está, pois se identifica como uma pessoa do gênero feminino, tendo trajes e aparência feminina. Desejando cumprir sua pena em uma cadeia para mulheres, já que no sistema atual que ela se encontra, não existem celas para quem é da comunidade LGBT.

VEJA MAIS:



A resolução determina que às “pessoas travestis privadas de liberdade em unidades prisionais masculinas, considerando a sua segurança e especial vulnerabilidade, deverão ser oferecidos espaços de vivência específicos, condicionado a sua expressa manifestação de vontade”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Giroud fala sobre homossexualidade

Giroud diz em entrevista que é “Impossível ser homossexual no futebol”

Christian Chávez posta foto do tanquinho no Instagram e leva seus fãs ao delírio