in

URGENTE: Jean Wyllys, desiste de mandato e deixa o Brasil, após ameaças aumentarem

O deputado federal Jean Wyllys, que foi eleito pela terceira vez consecutiva, abriu mão de seu novo mandato e vai deixar o país. Em uma entrevista exclusiva para a Folha, Jean revelou que não quer voltar para o Brasil e pretende se dedicar à carreira acadêmica.

VEJA MAIS:



O deputado tem sofrido diversas ameaças e anda sempre com escolta policial, depois da morte da vereadora Marielle Franco e com o desenrolar das investigações sobre o caso, Jean tomou a decisão de abandonar a vida pública.

“O [ex-presidente do Uruguai] Pepe Mujica, quando soube que eu estava ameaçado de morte, falou para mim: ‘Rapaz, se cuide. Os mártires não são heróis’. E é isso: eu não quero me sacrificar”, justifica ao jornal.

Outro motivo para essa decisão, foi a ligação entre a família de Bolsonaro e os principais suspeitos da morte de Marielle. “Me apavora saber que o filho do presidente contratou no seu gabinete a esposa e a mãe do sicário”, afirma Wyllys. “O presidente que sempre me difamou, que sempre me insultou de maneira aberta, que sempre utilizou de homofobia contra mim. Esse ambiente não é seguro para mim”, acrescentou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Conheça o ‘kit gay’, produto que promete fazer você brilhar no carnaval

Tokinho recebe crítica no Twitter e manda uma resposta bem afiada