in

A LiGay (liga gay de futebol) promete resistir a Bolsonaro

Champions Ligay

No último final de semana ocorreram as finais da LiGay em São Paulo. A LiGay é um torneio de futebol onde apenas equipes assumidamente gays podem participar. O torneio é cheio de cor de rosa, muitas plumas e brilho, e os nomes das equipes também chamam atenção (Manotauros, Sereyos, Barbies ou Bharbixas).


Erick Adance que é jogador de uma das equipes e também é organizador da liga disse: “A LiGay é uma liga que as equipes LGBT criaram para ter um espaço em que podemos praticar desporto sem medo de sofrer homofobia e preconceito”.

Com a recente eleição de Jair Bolsonaro, conhecido por suas declarações homofóbicas, para presidente do Brasil, não assustou os participantes do torneio. Jonathan Nascimento, um jogador que passou por várias equipes do futebol hétero onde sentiu o preconceito e joga agora numa das formações da LiGay, diz: “Não vai ser nenhum Bolsonaro nem nenhum ‘bolsominion’ que me vai ameaçar nem tirar a minha alegria. Nem a mim, nem a nenhum dos que estão aqui. Somos resistência”.

Os organizadores acreditam que em 2019 o número de equipes irá crescer e também conseguirão atingir áreas do Brasil, onde ainda não chegaram.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments




Pesquisa avalia a qualidade de vida das pessoas que vivem com HIV/AIDS em Fast-track Cities

Tanzânia lança esquadrão para caçar gays e comunidades LGBT