in ,

Jogador de rúgbi é vítima de homofobia por ter “comportamento gay” e pode ficar cego

Um caso lamentável de homofobia ocorrido na Argentina chamou a atenção do noticiário internacional no último final de semana. O jogador de rúgbi do Pampas Rugby e da Federação Argentina LGBT, Jonathan Castellari, de 25 anos, foi espancado por homofóbicos que se incomodaram com o “comportamento gay” do atleta que dançava ao sair de um restaurante fast food em Buenos Aires, na madrugada da sexta-feira, 01. Segundo declarou, a vítima corre o risco de perder a visão de um olho em decorrência da violência sofrida por setes pessoas que cercaram Castellari e um amigo em um estacionamento. Ele conta que começou a ser agredido por golpes na cabeça que atingiram seus olhos. Depois que os criminosos foram embora, o jogador foi encaminhado para o hospital, onde foi internado com lesões na região do olho direito e pode passar por cirurgia. Ao jornal argentino ‘La Nacion’, o amigo de Jonathan revelou que chegou a contatar a polícia, mas não obteve resposta das autoridades. Após o ocorrido, entidades LGBT e autoridades argentinas protestaram.

PUBLICIDADE

Como seria o homem perfeito para você?

Todo mundo tem um tipo de homem perfeito, algumas pessoas têm algo muito bem definido e específico e outras pessoas menos.

Achar o cara perfeito – ou quase perfeito – nem sempre é uma tarefa fácil quando estamos buscando no lugar errado. E isso deve estar acontecendo com você!

O cara perfeito incluí também o que ele deseja. Se apenas uma noite, um lance rápido, um namoro e até um casamento.

Talvez esteja difícil para você encontrar essa pessoa porque ainda não procurou no Disponivel.com. Com mais de 548.284 homens cadastrados tenho certeza absoluta que o “seu número” está lá te esperando. Clique aqui e comece agora mesmo.

Comments

Leave a Reply
  1. É preocupante que na Argentina ocorra esse tipo de violência resultante de crime de ódio. É um país referência para nós latinos em termos de civilidade e proteção de minorias. Há mecanismos de justiça lá. Vamos ver se agirão, não obstante um passado de total ausência de direitos humanos e recentes violações durante o governo de Cristina, como no caso do promotor assassinado que tinha provas de corrupcão contra essa senhora e sua família.

  2. Opa…. País referência de civilidade??? Ooooiiiii?????…… Kkkkkk…. Argentinos são RACISTAS e arrogantes ao extremo…. Existe até piadas dizendo que eles mesmos NÃO SE SUPORTAM… Kkkkk….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Violência contra gays, lésbicas e trans serão registrados como homofobia e transfobia no Rio

Luan Santana fala sobre boatos de que seria gay e diz que “ficava tristão”